­Top Banner Advertisement

 

Foto de Pedritta Garcia
Data-base: concluídas as discussões técnicas entre servidores e governo sobre reajuste

O Sinpoapar (Sindicato dos Peritos Oficiais e Auxiliares do Paraná) informa que as discussões técnicas da Comissão Permanente de Negociação entre entidades sindicais e Governo do Estado sobre a data-base foram encerradas. Desde o dia 29 de abril, quando os representantes de servidores e Poder Executivo foram definidos, foram realizadas três reuniões e três encontros para avaliação financeira.

Os servidores estaduais, entre eles os da Polícia Científica, não recebem reajuste da inflação referente à data-base desde 2017. Já a inflação de maio de 2018 a abril de 2019 fechou em 4,94%. No acumulado, a defasagem é de 17,04%.

Durante todo o mês de maio, o Fórum de Entidades Sindicais (FES), do qual o Sinpoapar é membro, buscou convencer a gestão Ratinho Junior a conceder, pelo menos, a reposição de 4,94% no próximo mês, mais 1% em outubro e 1% em dezembro. Mas ainda existe o impasse sobre o crescimento da receita do Estado: enquanto a Secretaria de Estado da Fazenda (SEFA) estima um crescimento de 1,43% da receita corrente líquida, o FES estima 6%.

Neste 29 de maio, o Fórum de Entidades Sindicais encaminhou um novo documento ao líder do governo na Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Hussein Bakri (PSD), informando o encerramento das discussões da Comissão de Negociação e exigindo uma resposta do Poder Executivo até o final deste mês. Caso as respostas não atendam às expectativas da categoria, está prevista greve geral dos servidores estaduais a partir de 14 de junho.

Assessoria de Comunicação - Sinpoapar

  • Comentários

0 Comentários

Top